quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Um ídolo

Toda grande equipe esportiva tem um alguém que se destaca e que se torna uma referência.

Esse alguém - esse atleta - se torna referência pra própria equipe e pra torcida.

Falo isso pra falar de Evando, que chegou ao Avaí pra se tornar essa referência. É impressionante a estrela e a relação desse jogador com a torcida e o clube. Foram DOIS jogos até aqui e DOIS gols importantes e decisivos nas partidas. Lembrando que ele entrou somente no segundo tempo das partidas contra o Bragantino e Corinthians.

Uma grande campanha tem seus ídolos. Podem fazer um esforço, vocês vão lembrar. Conquistas estão diretamente relacionadas a grandes ídolos, sejam eles atletas ou técnicos.

O Avaí ainda não tem nada garantido, é verdade. Mas tem uma grande campanha sendo construída e tem também grandes ídolos - surgindo, como Válber, e já firmado, como Evando.

Abraços

3 comentários:

preto véio disse...

Olá, Rodrigo! É verdade. Um país sem ídolo é um país orfão. Tanto faz ser no esporte, na música,como na política temos que te-los, para servir de balizamento dos demais. Evando está para o Avaí, como Genilson esteve para Figueirense.Os dois se combinam em tudo. Genilson por onde passou só jogou no Figueira, tornando-se ídolo da sua torcida, o mesmo ocorre com Evando. Jogador com a cara do Avaí, nos outros clubes por onde andou, só passou, nada mais do que isso.Abraço Preto Véio.

Anônimo disse...

tah faltando o nomo do marquinhos!!!

Maurício Machado disse...

Rodrigo, lembro muito bem quando o Evando foi anunciado como novo contratado do Avai, você foi totalmente a favor e elogiou a chegada desse jogador, ao contrário do que dizia o Renato Semenssati, que não achava uma boa contratação e o tempo mostrou que você estava certo. O que nós torcedores do Leão da ilha, não tinhamos a menor duvida, que esse grande jogador, iria mais uma vez ajudar muito nosso time.
O Evando simboliza a raça que é a marca maior do nosso time.

Um Grande Abraço !

Maurício Machado